quarta-feira, maio 17, 2006

É possível provar a existência de Deus pela Bíblia?

Religião

Ontem conversando com alguns cristãos, percebi que normalmente eles costumam invocar a Bíblia, quando pretendem provar a existência de Deus. Durante aquele bate-papo informal eu tentei provar a eles que isso não é possível e que tal atitude não passaria de uma enorme falácia, isto é, um erro lógico.

Explicando melhor a minha argumentação, vale esclarecer que os lógicos, identificaram uma espécie de pensamento inválido chamada petição de princípio, este, consiste na utilização de um argumento que prova a tese, assumindo a sua veracidade como premissa. Exemplificando temos que: ""A" é verdadeira porque "A" é verdadeira".

Extamente por isso, a petição de princípio é um argumento que não serve para nada, isso significa que não é possível provar qualquer proposição com ele. Resumindo, afirmar que alguém cometeu a falácia denominada petição de princípio, significa que este pretendeu provar algo partindo do princípio que sua tese já era aceita.

Bom, voltando ao tema deste post, temos que a Bíblia vista por quem não acredita em Deus não passa de mais um livro como outro qualquer, portanto, nada garante que tudo ali descrito seja realmente verdadeiro.

Para alcançar seu objetivo, de provar que Deus existe citando a Bíblia, o sujeito tem de partir do princípio que o ouvinte (ou leitor), aceita que a Bíblia é a palavra de Deus. Ou seja, ele quer provar a existência de Deus, partindo da premissa (princípio) que a Bíblia é a palavra de Deus, dizendo diferente - que Deus existe!
Portanto, para provar a existência do Ente Supremo, outros meios devem ser utilizados.
A Bíblia no máximo serviria para "esclarecer" algo já anteriormente aceito.

E para encerrar respondendo à indagação contida no título: Não!

Um comentário:

Catatau disse...

Com certeza, vc pegou certinho o argumento dos evangélicos toscos.

Já ouviu falar - saindo dos toscos - no argumento de Santo Anselmo? Há vários argumentos interessantes sobre a existência de Deus.