terça-feira, agosto 01, 2006

"Barracos" virtuais

Momento diário

A internet é um ambiente estranho! Situações quotidianas e banais, que no mundo real não trariam maiores consequências, aqui são amplificadas numa tal forma que ganha ares de guerra declarada. Eu tenho percebido que no mundo virtual, em especial no Orkut - site de relacionamentos dominado por brasileiros - as pessoas encontram tempo para entrar em discussões sem o menor sentido. Eu participo de várias comunidades no Orkut, em algumas sou mais ativo, em outras menos, noto que principalmente naquelas dedicadas a "blogueiros", um simples comentário menos elogioso de alguém sobre o blog do outro, já é motivo para ser criado um belo "barraco". No entanto como eu disse, brigas virtuais não são privilégios das comunidades direcionadas a quem tem blog, dando uma passeada por outros foros de debate, isso fica perfeitamente claro.
Discussões acaloradas atualmente são tão comuns que fica difícil encontrar alguém que nunca tenha participado de uma. Eu mesmo já discuti feio, numa comunidade chamada "Aborto=Homicído (sic) planejado". Quem me conhece, sabe que sou da favor da descriminalização de algumas formas de aborto, nessa comunidade eu defendi essa posição, entretanto encontrei uma senhora, que me respondeu à altura, a discussão foi tão quente, que o moderador acertadamente, acabou me expulsando, já que os demais membros não devem ser obrigados a aturar contendas particulares.
Então diante destas constatações, tenho indagado a mim, mesmo sobre a razão dessas discussões ocorrerem com tanta frequência. Ao que me parece, dois fatores influem decisivamente:
1º - A virtualidade da discussão, somada à sensação de anonimato, parecem deixar quem participa de qualquer discussão via internet, mais confiante na hora de ofender a parte contária;
2º - No caso das discussões ocorridas no Orkut, um fator deve ser ressaltado - ali as pessoas falam! Em razão de participarem deste foros de debates, sentem-se compelidas a expor suas opiniões, enquanto que na vida real, nem sempre somos obrigados a dizer o que pensamos. Seja por receio de ofender alguém, seja porque ninguém está interessado nessa opinião. E ao ser analisada grande parte dessas discussões, virtuais ou reais, resta evidenciado que a maioria esmagadora delas, se originam numa divergência de opiniões. O ser humano, via de regra, não suporta ser contestado, ele está sempre esperando ser "aplaudido", e nunca está pronto a receber uma crítica negativa.
Então, a meu ver este seria o verdadeiro motivo do Google, dono do Orkut, ao criar este programa, ter possibilitado aos membros, a oportunidade de entrar em alguma comunidade temática, isto porque se não houvesse tal possibilidade, o site não teria polêmicas, e em pouco tempo, ao perder o status de novidade, as pessoas deixariam de ter interesse, e não seria a febre que é hoje, ao menos no Brasil.
Por tudo isto, eu entendo que brigas no mundo internético, nunca terão fim.

6 comentários:

Flavio Andrade disse...

eu amo um barraco no orkut! + diz aí: pq vc foi expulso daquela comunidade do aborto?

uma das Sheylas. disse...

Comentário:

nº 1:
Sou a favor de discussões desde que elas não sejam estúpidas. Há quem compre briga gratuitamente e acho que isso não exercita nada em ninguém, então é só perca de energia...

Resposta:

Apreciarei o seu, não como "obrigada" por que disso eu não gosto, até quando ele me interessar.

Caco disse...

Meu caro
Uma polêmica é comigo mesmo. E com você, idem.

Lembro que te conheci num barraco na comunidade da Mary, quando uma iniciativa de contribuir com a melhoria dos blogs tinha virado motivo para agressões pessoais. No final das contas, eu-você-Mary conseguimos sobreviver a tudo e civilizadamente curtir os blogs uns dos outros. Ultimamente raramente tenho ido lá. A Mary até me avisou que está rolando um concurso, mas nem me candidatei ou votei (que falta de cidadania!).

Como eu digo, stressar demais por coisa de menos pode dar câncer...

Polemizar é válido. Ser civilizado, é essencial. Acho que as pessoas pensam que um virtual anomimato na internet possa garantir a impunidade pela falta de educação - a lei da selva. Não, não é bem assim, né?

Achei este seu post 'tudo a ver'.

mario disse...

Olá
É verdade, esses dias estava em uma comunidade de jornalistas blogueiros e fui em um daqueles tópicos de dar notas, e cara acima do meu tinha dado 4 para o blog acima ai eu peguei e i o dele, e nao gostei muito ai eu dei 4 para ele e falei que ele precisava de mais humor no blog dele, MEU DEUS, o Cara parecia o Demonio, ele se rebelou, falou que o blog dele era ótimo e que muita gente gostava, o cara era um mané realmente,queria que todo mundo amasse o blog dele, e nem todos tem gostos iguais!!
Continue me visitando

T+

Lena Casas Novas disse...

Vim montar o meu barraco aqui.rsrssrs...
Gosto muito de discurões quentes, gosto de ver o cu]irco pegar fogo.Mas não gosto de arrogancia, falta de respeito e Falta de crítrica instrospectiva.

Pois eu reconheço quando erro e assumo publicamente.Mas Quando a coisa fica feia eu me retiro!

Sei por que criou esse post.

Passa lá no Portal

Anônimo disse...

Cool blog, interesting information... Keep it UP »