quinta-feira, janeiro 25, 2007

Como anda o humor na blogosfera brasileira?

Fazer o leitor rir. Esta talvez seja a maior dificuldade para quem se lança ao mundo dos blogs. Ou melhor, fazer alguém rir, sem cair no ridículo, talvez seja o maior desafio em qualquer lugar do mundo, seja físico ou virtual. Muitos tentam, poucos conseguem.

Na blogosfera existem milhares de blogs cuja proposta é explorar o lado engraçado da vida, sendo que via de regra, seus autores sonham em ver seus blogs listados ao lado de outros campeões de audiência do estilo, tais como o Kibeloco, Cocadaboa ou o Jesus me Chicoteia, como os melhores e mais visitados blogs de língua portuguesa, todavia, poucos, diria pouquíssimos até, de fato podem almejar tal feito. A grande maioria não demonstra ter sua veia cômica muito irrigada, o que acaba por jogá-los na vala comum do mau gosto.

Em seu blog, o meu amigo blogueiro, Márcio, disse certa vez que o melhor da MTV era quando os vjs não apareciam. O mesmo vale para a maioria dos blogueiros que atuam na área do humor na internet brasileira: seus melhores momentos se resumem aos posts nos quais eles não aparecem, ou seja, quando trazem um vídeo, uma foto ou uma piada pronta, todos retirados da própria internet, pois quando resolvem criar algo, o resultado é, simplesmente, lamentável.

Os assuntos se repetem. Aqueles velhos e surrados temas estão sempre lá. A homofobia, com sua variante pós-moderna, "emofobia", vira e mexe surgem. O racismo não falta. A ridicularização da camada social mais carente é repetida ao extremo, entre outros diversos clichês.

Isto é preocupante pois os blogs cuja temática principal é o humor, dominam a rede "brasileira", ao lado dos "diários virtuais". Arrisco dizer que mais de 70% dos blogs produzidos por brasileiros, enquadram-se numa destas categorias. Levando-se em conta que os "diários virtuais" não representam grande interesse para quem esteja além da fronteira social do autor, os blogs de humor tornam-se o estilo mais popular do universo blogueiro, por isso deveria ser tratado com muito respeito por quem pretende explorar este filão.

Eu participo de uma comunidade no Orkut, chamada "Eu tenho um blog" e lá nós organizamos um concurso com várias categorias, sendo o "humor" uma delas. Por conta disso acabei conhecendo diversos blogs dos mais variados estilos. O humor foi a categoria que eu criara as maiores expectativas, por ser inclusive, um tema que eu aprecio muito. No entanto, a decepção foi proporcional à expectativa! Diversos blogs se inscreveram, porém, dos inscritos o que consegue sair do lugar comum com maior desenvoltura é o blog do Kiropo e Adiós Kitty.

Vale dizer ainda, que a previsão para o futuro não se mostra nem um pouco animadora, pelo contrário, é bem sombria! Muitos blogueiros em potencial, deverão ver o que se está produzindo na área humorística e farão o seguinte raciocínio:

- É isso que se chama humor? Então eu também posso fazer.

E pronto, mais um blog ruim será criado para desespero dos cultores do gênero como eu. Espero que um dia os autores de blogs voltados para o humor repensem a forma de fazer rir, conseguindo perceber a diferença entre uma tirada engraçada e uma mera ofensa a quem quer que seja.

12 comentários:

Igor disse...

Olá, tava fuçando por aqui no Technorati, e achei o teu blog. ^^

Realmente, é inacreditável que nós não saibamos fazer um humor inteligente, sem apelação,meio ao estilo do SNL... Uma pena. Mas creio que um dia, melhore. Ou que, pelo menos, pare de piorar.

E a enquete sobre a idéia geral de Direito é válida.

Abraço!

Seiji disse...

grande Omar!! valeu pela citação!!!

Um abraço!!!


Seiji

Albino disse...

Parábens!

Vc disse a verdade nua e crua, sobre aquilo que acontece nos blogs. Onde todos querem parecem "cool"!

Abraços!

Descharth disse...

Pois é Omar, sou obrigado a concordar contigo,principalmente porque faço parte dessa categoria de psudo-humoristas,cujo fazer rir remete a no maximo um leve sorriso.
Só uso esse tema,porque quero ter um blog,gosto de ter um blog e acredite se eu enveredar por outro caminho a coisa vai ser pior.
Se explora muito o lado do preconceito,porque o lado atingido é sempre a minoria e faz parte da cultura humana fazer pilhérias com quem é diferente.E sempre tem um negro rindo de piadas de negros e um homo rindo das piadas de "bichinhas",sempre há um roto a rir do esfarrapado...
Retire de todas as piadas,piadistas,chargistas e afins
o lado do preconceito e terás o nada em humor.Diga qual monstro sagrado não usa esse atifício(vale até Chaplin)
O problema maior está no ctrl+c,na repetição dos temas,no "nada se cria,tudo se copia".
Manterei sempre meu estilo,que pode ser fraco,preconceituoso e as vezes quase que sempre confuso.Mas esse é meu estilo, meu jeito e assim ganhei um espaço na web.

Negão Internauta disse...

vc já imagina que eu vou discordar plenamente da sua opinião, né, Omar. Mas acho que seu objetivo era esse mesmo, o debate.

Existem vários estilos de blog de humor. Primeiro vc deve separar os blogs de imagens engraçadas, que é o estilo que mais tem. Não se pode dizer que estes são ruins, mas não exigem muita criatividade.

Depois, vêm os blog "Ctrl+c, Ctrl+v", os mais idiotas, na minha opinião.

Aí sim, vem os blogs de humor,onde o próprio autor do blog cria tudo que nele está.

Dizer que estes blogs (todos, exceto o Seiji, como me pareceu que quis dize) sempre caem no lugar comum é no mínimo falta de critérios.

Os temas debatidos podem se repetir simplesmente por sua importância. Omofobia, emofobia, preconceito/segregação racial são temas debatidos em todas as espécies de blogs ou mídia, não seria diferente nos blogs de humor.


Gosto é uma coisa. Dizer que todos permanecem enclasurados em círculo infinito de abordagem dos temas (lugar-comum) me parece extremamente equivocado. Leio diversos blogs de humor (alguns deles participaram do concurso citado, tbm) e sei que isso não é real.


abraço.

Tio Punk disse...

Acho que eu tenho um blog de humor...
Será?
Bom eu não sei,só sei que algumas pessoas dizem que é engraçado (minha mãe,minha irmã,meus filhos,minha mulher...)
Hehehehe

Terrorista disse...

haha. engraçado esse tio ai de cima

e mais uma coisa

misturado n, q isso aqi n eh panela, eh combinaAado - dá um tmpo...

Caco disse...

OMAR - Mais um post brilhante.
Humor não é grosseria. Na verdade, é preciso ser muito mais inteligente do que a média para fazer bem-feito. Que acha o Sr?
Grande abraço & stay brilliant.

Cássio Augusto disse...

Pois é... acho que o problema dos Blogs de Humor está no sonho de ganhar dinheiro como o KibeLoco... se fizessem humor por vocação até poderia sair algo mais ou menos... mas dae tentam fazer por profissão... e sai estas porcarias!!!

Márcio Pimenta disse...

Estava aquardando para ver os comentários. Cara, você foi em cima! Excelente texto. Vou recomendar amanhã em meu blog.

Abraços!

rosa disse...

eu encontrei teu blog pq estou atras de um palhaço triste, que por sinal vou copiar tá. Agora vc tem razão as pessoas acham que humor é espizinhar outra pessoa. Mas ri bastante lendo teu perfil.

Negão Internauta disse...

Tbm estava procurando o palhaço triste e caí aqui de novo e tenho 2 perguntas:


Por que escrevi "Omofobia"?

O que seria o tal "círculo infinito" que cito?


Q coisa, não?

PS: Meu blog não nem sempre cai em um lugar comum.