sexta-feira, maio 16, 2008

Perspectivas para o Campeonato Brasileiro de 2008

Este deve ser o 930495º texto que se propõe a analisar os clubes participantes do Campeonato Brasileiro que teve início na final de semana passado, é verdade...hum...bem...se você já leu algo do tipo, não custa ler mais um, se ainda não leu nada, esta é uma boa oportunidade de ler o primeiro. Vamos nesssa:


Vitória: Depois de passear pela segunda e até pela terceira divisões, os baianos estão de volta à elite. O elenco é modesto por isso não deve ir muito longe. Para o campeonato deste ano, a diretoria depois de tomar umas biritas, resolveu passar a mão no telefone e ligar para o "querido", Mario Celso Petraglia, o que resultou na contratação de diversos jogadores que estavam encostados no Atlético Paranaense, como o goleiro Viáfara, o lateral-direito Carlos Alberto, e os atacantes Rodrigão e Dinei. Ou seja, se o time do Atlético já é ruim, imagine a qualidade dos jogadores que não tiveram chances neste time.


O que disputa: Permanência na primeira divisão.


Fique de Olho: Rodrigão. Atacante que já rodou por diversos clubes, esteve recentemente jogando pelo Atlético Paranaense, clube ao qual ainda está vinculado, mas não vingou. Porém, tem tido boas atuações e pode desencantar.


Vasco da Gama: É o mais fraco dos cariocas. Com a volta de Leandro Amaral o time ganha força ofensiva, no entanto, mesmo assim não deverá empolgar sua torcida.


O que disputa: Vaga na Copa Sul-Americana.


Fique de Olho: Moraes. Jogador mediano que durante sua passagem pelo Atlético Paranaense esteve sempre na reserva. Poucas foram as partidas nas quais ele tenha sido um destaque positivo, por outro lado, muitas foram as que ele se destacou negativamente. Não é jogador a altura da tradição vascaína, mas que deve ser observado pois serve como parâmetro para saber onde o clube deverá chegar.


Sport: O clube pernambucano entra na disputa empolgado em razão de ter eliminado o Palmeiras na Copa do Brasil, impondo uma goleada humilhante ao time do badalado Wanderley Luxemburgo. Sua defesa é composta, quase integralmente, por ex-jogadores do Atlético Paranaense, com Luizinho Neto na lateral direita (grande batedor de faltas), Durval e Igor como zagueiros e, por incrível que pareça, este é um dos pontos fortes da equipe.

O que disputa: Vaga na Copa Sul-Americana.

Fique de Olho: Durval. Responsável direto pela derrota humilhante sofrida pelo Atlético Paranaense nas finais da Copa Libertadores de 2005 quando falhou em todos os 5 gols marcados pelo São Paulo nos dois jogos, inclusive com 1 contra. Apesar desta mancha negra em seu curriculum, deu a volta por cima e hoje é um dos destaques do rubro-negro pernambucano, merecendo uma atenção maior de quem assiste seus jogos.

São Paulo: O tricolor paulista ao contrário do ano passado quando despontava como grande e talvez único favorito, este ano entra na disputa, ainda como favorito, com a diferença de que desta vez há outros candidatos tão ou mais fortes. A saída do imperador Adriano ao final da Libertadores, deverá enfraquecer o time que terá de apostar suas fichas no artilheiro sem arma Aloísio, o goleador que não faz gol.

Vale dizer ainda que para esta disputa, a diretoria são-paulina arrancou do Atlético Paranaense o lateral-direito Jancarlos, numa daquelas contratações, provavelmente, feitas com base em vídeo tapes mostrados pelo procurador do atleta. Digo isso porque a torcida atleticana já não aguentava mais vê-lo em campo, e ao tirá-lo do daqui o São Paulo prestou um dos maiores favores que um clube poderia prestar aos paranaenses.

O que disputa: Vaga na Copa Libertadores da América.

Fique de Olho: Dagoberto. Maior revelação do Atlético Paranaense nas últimas décadas. Verdadeiro craque, mas que em razão de sua fragilidade física sofre muito com as entradas desleais de seus adversários. Tinha tudo para se tornar um ídolo da Seleção Brasileira, até que uma contusão grave em 2004 o obrigou a ficar afastado do futebol por mais de um ano, quando voltou, nunca mais foi o mesmo, tanto física quanto mentalmente. Brigou com a diretoria atleticana e se transferiu para o São Paulo, onde se tudo correr bem, logo deverá se transferir para o exterior, enchendo os cofres do clube paulista.

Santos: Depois de reviver os tempos de Pelé, quando o clube entrava nas disputas pensando no título, o Santos volta a rotina de buscar ficar entre os “primeiros colocados”. Este ano não deverá passar disso.

O que disputa: Vaga na Copa Sul-Americana.


Fique de Olho: Kléber Pereira. Excelente atacante, o maior artilheiro do Atlético Paranaense dentro da Arena da Baixada. É daqueles atacantes que criam uma relação de amor e ódio com a torcida, pois na medida em que faz muitos gols, alguns deles quase impossíveis, perde outros tantos, além de em certas situações se mostrar muito disperso.

Portuguesa: A simpática Lusa, retorna à primeira divisão, sem muitas pretensões além de permanecer ali por algum tempo, algo que não será fácil, pois os candidatos ao rebaixamento são muitos.

O que disputa: Permanência na primeira divisão.


Fique de Olho: Cristian. Vem fazendo o que se espera de um centro-avante – gols. Sem dúvida alguma é o destaque do time.

Palmeiras: Depois de muito, mas muito tempo, o Palmeiras volta a figurar entre os favoritos a ser campeão brasileiro. Porém, o time ainda não está maduro o suficiente, pois ao levar um gol os jogadores se desestabilizam, não tendo muito poder de reação.

O que disputa: Título.

Fique de Olho: Alex Mineiro. Atacante de excepcional qualidade técnica. Foi o maior destaque do Atlético Paranaense na fase final do campeonato brasileiro de 2001 quando clube se sagrou campeão. Merece atenção especial não só dos zagueiros, mas dos torcedores também.

Náutico: Com um time limitado, os pernambucanos não devem alimentar muitas expectativas para este campeonato.

O que disputa: Permanência na primeira divisão.

Fique de Olho: Ticão. Volante que surgiu no Atlético Paranaense como grande revelação para a posição, vindo a murchar em seguida. Como a diretoria aposta no seu futebol, resolveu emprestá-lo para time menores para fazê-lo adquirir experiência, vale dar uma olhada.

Ipatinga: A principal arma deste time é ser desconhecido. A exceção dos mineiros Cruzeiro e Atlético, ninguém sabe ao certo como joga este estreante na primeira divisão. Se tudo correr sem surpresas, deve seguir os passos do América-RN no ano passado.

O que disputa: Permanência na primeira divisão.

Fique de Olho: Gerson Magrão. O meia que pertence ao Flamengo foi decisivo na campanha da série b no ano passado. Este ano é uma espécie estrela solitária no fraco time mineiro.

Internacional: No ano passado a campanha realizada pelo clube ficou abaixo das expectativas, ao chegar apenas em 11º na classificação geral, no entanto, este ano tem tudo para ser diferente. O ataque é o ponto forte, com Fernandão e Nilmar, podendo contar ainda com aproximação de Alex, um dos artilheiros do último campeonato gaúcho.

O que disputa: Título.

Fique de Olho: Marcão. Embora o ex-lateral esquerdo do Atlético Paranaense não tenha a técnica necessária para chamar a atenção da grande mídia, tem a raça que os gaúchos cultuam. É o típico jogador "gaúcho".

Grêmio: Depois de um início arrasador no campeonato gaúcho, foi eliminado pelo Juventude nas quartas-de-final da competição, indicando que a situação está difícil para o clube que em julho, deverá perder Eduardo Costa, já que o jogador pertence ao Espanyol e o empréstimo se encerra.

O que disputa: Vaga na Copa Sul-Americana.

Fique de Olho: Roger. Se o ex-meia do Fluminense e campeão brasileiro pelo Corinthians em 2005, estiver disposto a jogar, poderá ser um nome importante para as pretensões do clube.

Goiás: Mais um que começou o ano dando toda a pinta que teria um ano excepcional, mas que logo murchou. Na Copa do Brasil o clube foi eliminado pelo Corinthians com um bela goleada, já pelo campeonato goiano, mais uma derrota que será lembrada por muito tempo, 3 a 0 para o desconhecido, Itumbiara que levantou o primeiro título em sua história, em pleno Serra Dourada. Depois do sufoco do ano passado, quando o clube escapou da degola na última rodada, e mesmo assim mais pela fragilidade corintiana do que por méritos próprios, este ano os goianos devem navegar em águas mais tranquilas, porém, nada que os leve a sonhar ao menos com uma vaga na Libertadores.

O que disputa: Vaga na Copa Sul-Americana.

Fique de Olho: Anderson Aquino. Outra aposta da diretoria atleticana que o empresta para outros clubes para vê-lo adquirindo experiência. Joga no ataque e tem se mostrado um bom jogador.

Fluminense: A mim, parece que o Fluminense é o clube carioca com o melhor elenco, mas decepcionou logo na primeira chance de mostrar sua força. Certamente, o clube é um dos favoritos ao título brasileiro, mas precisa render em campo o que se espera dele.

O que disputa: Título.

Fique de Olho: Washington. Maior artilheiro numa única edição de campeonato brasileiro, quando em 2004 jogando pelo Atlético Paranaense marcou 34 gols, hoje não tem mais aquele poder de fogo de outrora, mas continua sendo um perigo, especialmente nas bolas aéreas.

Flamengo: O time do Flamengo conta com um elenco mediano, mas que com a força de sua torcida se torna quase (eu disse "quase") imbatível. O título está distante da Gávea, que deverá se contentar com uma vaga na Libertadores.

O que disputa: Vaga na Copa Libertadores.

Fique de Olho: Cristian. Volante com bom passe e boa movimentação, além de uma certa habilidade nas cobranças de falta. Não rendeu o que se esperava enquanto atuou pelo Atlético Paranaense, porém, no Flamengo aparenta ter alcançado sua condição de jogo ideal.

Figueirense: Quando ninguém mais esperava (ao menos ninguém além dos próprios torcedores) o clube de Florianópolis conquistou mais um título catarinense sobre um rival mais forte, o Criciúma. A previsão para este ano é das mais desanimadoras para o clube, que deverá correr muito para não ter de enfrentar seus conterrâneos em 2009.

O que disputa: Permanência na primeira divisão.

Fique de Olho: Cleiton Xavier. Jogador de meio que encosta nos atacantes, com excelente movimentação.

Cruzeiro: Favorito ao título, o Cruzeiro mostrou sua força na primeira partida da final do campeonato mineiro, por outro lado, emperrou diante do Boca Juniors pela Libertadores, com altos e baixos o time entra bem cotado na disputa pelo título.

O que disputa: Título.

Fique de Olho: Fábio. Grande goleiro, revelado pelo União Bandeirante do interior paranaense.

Coritiba: O mediano elenco coxa-branca, ganhou muito com a contratação de Michael junto ao Guaratiguetá-SP, já que ao contrário do que se pode imaginar, "eles" não têm um time muito forte como supõe a imprensa paulista, o simples fato de perder o jogo final do campeonato paranaense demonstra isso. O título não foi ganho por eles, e sim perdido pelo Atlético graças a sua diretoria que abriu mão da conquista quando se desfez dos principais jogadores do time durante a competição, entregando de bandeja para quem chegasse a final.

O que disputa: Copa Sul-Americana.

Fique de Olho: Keirrison (espero ter escrito certo) atacante com grandes qualidades técnicas. Se estivesse num clube do eixo, certamente, estaria com o passaporte carimbado para as Olimpíadas.


Botafogo: O clube carioca tem um time excelente, porém, com elenco limitado e como o campeonato brasileiro é longo, tudo leva a crer que não deverá alcançar uma posição muito relevante.

O que disputa: Copa Libertadores da América.

Fique de Olho: Jorge Henrique. Revelado pelo Náutico, logo o Atlético Paranaense foi em busca do seu futebol. Chegou aqui com fama de futuro Romário, mas que nada, decepcionou! Nunca conseguiu encaixar uma boa sequência de jogos, não alcançando sequer um lugar no time titular da equipe. Depois de ser contratado pelo Botafogo, teve um início difícil, mas que foi superado e hoje é um dos grandes nomes no elenco alvi-negro.

Atlético Mineiro: Após a humilhação pública sofrida na final do campeonato mineiro de 2008, o time mineiro entra no campeonato brasileiro sem a mínima chance de título, Libertadores ou até mesmo Sul-Americana, noutro giro, o rebaixamento também não chega a ser uma preocupação.

O que disputa: Copa Sul-Americana.

Fique de Olho: Petkovic. O velhinho sérvio, dispensa maiores comentários. Talvez esteja um pouco passado, entretanto, sua técnica é inegável.

Atlético Paranaense: O início foi arrasador. Toda a torcida se animou sonhando com um ano que desde 2001 não vive. Os adversários foram sendo, um a um, demolidos, até culminar com a quebra do recorde do próprio clube de 11 vitórias seguidas. Mas, a superação do recorde foi como uma ducha de realidade, pois após, o que se viu foi só desgosto. Eliminação da Copa do Brasil pelo Corinthians Alagoano, sufoco na fase final do Paranaense, culminando com a perda do título diante do fraco Coritiba.
Para este ano a previsão é a pior possível. Some um time fraco, a uma diretoria mais interessada em arrecadar com a venda dos poucos jogadores que ainda têm mercado e você tem um sério candidato ao rebaixamento.

O que disputa: Permanência na primeira divisão.

Fique de Olho: Na torcida. Olhar para o campo é perda de tempo.

Agora é esperar pra ver quantos tiros n'água eu acertei.

10 comentários:

Maria disse...

O time do Fluminense é ótimo no papel, mas na prática não tem funcionado bem. Sobre o Santos, não vou nem comentar hehe.
Tá jogando Cartola? :D

beijos

Maria disse...

Vale lembrar que Washington só marcou 34 gols graças aos 19 pênaltis marcados a favor do Atlético, principalmente no segundo turno.

Lizzie disse...

Se tem uma coisa que eu não entendo, ela se chama FUTEBOL. Antes eu me dizia gremista, hoje já não consigo ser partidária de time algum.
Saudades de ti, Omar. Anda sumido.

Beijos
www.lizziepohlmann.com

rosa disse...

Omar agora eu vou fazer uma previsão 100% acertada. Todos os times que jogarem contra os cariocas, vamos ter que ouvir estes comentário:
Os times não são bons os cariocas 'e que estão em fase ruim.
Abraços e boa sorte acho que vcs vão precisar.

Omar disse...

Maria

Só tenho que dar risada quando alguém dá a entender que a arbitragem possa ajudar o Atlético contra um time do eixo...hahaha...

Lizzie

Pois é, Lizzie, ando meio afastado mesmo. É que eu tô meio sem tempo, mas o problema não é nem esse, eu ando meio dasanimado para atualizar o blog, aparecer no msn ou no Orkut, mas de vez em qdo apareço. Vc é que eu nunca mais vi on-line.

Rosa

Nessa previsão, creio que vc não erra mesmo. hahaha...
E obrigado pelo "boa sorte", pq, de fato, vamos precisar. Maldito, Petraglia.

Omar disse...

Maria

Só tenho que dar risada quando alguém dá a entender que a arbitragem possa ajudar o Atlético contra um time do eixo...hahaha...

Lizzie

Pois é, Lizzie, ando meio afastado mesmo. É que eu tô meio sem tempo, mas o problema não é nem esse, eu ando meio dasanimado para atualizar o blog, aparecer no msn ou no Orkut, mas de vez em qdo apareço. Vc é que eu nunca mais vi on-line.

Rosa

Nessa previsão, creio que vc não erra mesmo. hahaha...
E obrigado pelo "boa sorte", pq, de fato, vamos precisar. Maldito, Petraglia.

MARCIO MINO disse...

eI CARA, A SUA LISTA COMEÇA COM VITÓRIA E TERMINA COM O CAP.
PRO QUE NÃO A ORDEM INVRSA??
HEIN, HEIN?

Lucho disse...

Pode ser até o 930495º artigo falando sobre o campeonato brasileiro, mas de todos esse é o melhor.

Omar disse...

Mino

A idéia era fechar com chave de ouro! rs

Lucho

Obrigado, pela palavras. Não tenho essa pretensão.

Omar disse...

Mino

A idéia era fechar com chave de ouro! rs

Lucho

Obrigado, pela palavras. Não tenho essa pretensão.